Fale Conosco
Clique aqui!
X
Clique aqui e Peça seu Orçamento!
Clique aqui e Peça seu Orçamento!

Equipamentos indispensáveis para abrir um açougue

Equipamentos indispensáveis para abrir um açougue

Corriqueiramente, visitamos um açougue para comprar aquela carne fresquinha, com o corte que desejamos para fazer no almoço ou naquele churrasquinho.

Com a evolução das cidades, os açougues evoluíram e muitos se tornaram as já famosas “Casas de Carne”, ou seja, estabelecimentos que estão aptos para vender cortes especializados.

Dessa forma, se você pretende entrar neste mercado, criando um açougue ou uma casa de carnes,  precisa ter diversos equipamentos indispensáveis, garantindo bom andamento das atividades.

Equipamentos em uma casa de carnes: divididos em 2 áreas principais

Para o eficiente trabalho em um açougue, os equipamentos devem trazer eficiência, rapidez e segurança aos colaboradores e qualidade à carne, além de boa gestão à atividade. Assim, geralmente costuma-se dividir os equipamentos indispensáveis em duas partes que se complementam:

1. Parte administrativa

2. Parte produtiva

Veja a seguir quais são os equipamentos necessários em um açougue para que o dia a dia das atividades seja facilitado.

1. Área Administrativa: equipamentos para a gestão do açougue

Para administrar um açougue, são necessários praticamente os mesmos equipamentos que outro estabelecimento do ramo alimentício necessita, como uma padaria ou um pequeno bar.

Primeiramente, o cliente que comprar no açougue, irá pagar, certo? O que você precisará para que o cliente pague o produto?

Sem a necessidade de pensar muito, você saberá que irá precisar de um balcão de pagamento com um computador, uma impressora e um sistema para emitir nota fiscal. Também será necessário adquirir uma máquina de cartões de crédito e de débito, além de um local seguro para guardar o dinheiro do dia.

Por fim, não é obrigatório, mas é recomendado que você adquira um software de gestão para gerenciar mais facilmente as questões administrativas do estabelecimento.

2. Área produtiva: equipamentos para trabalhar com a carne

Este setor do seu açougue é o mais importante. Assim, você vai precisar adquirir equipamentos, ferramentas e maquinários específicos que vão auxiliar todos os processos dentro do açougue, desde a refrigeração da carne, passando pelo corte e finalizando na pesagem. Abaixo, listamos os principais itens para a parte produtiva de um bom açougue.

  • Balança eletrônica com etiquetadora: Necessárias para a pesagem precisa da carne, com capacidade de etiquetar o pacote com o preço e o peso;
  • Mesa de corte: Local onde o profissional irá trabalhar a carne. Podem ser de inox ou polietileno, com a segunda mais utilizada e indicada, por não deixar riscos ou traços pelo uso da faca;
  • Serra Fita: Disso nós entendemos e sabemos o quanto é importante. A serra fita é essencial para qualquer açougue, auxiliando o corte de uma carne congelada ou então pedaços de carne com ossos. Há vários modelos, o indicado é adquirir uma serra fita que você consiga cortar qualquer tipo de carne, com ossos ou não;
  • Picador e amaciador de carne: Alguns clientes solicitam carne picada ou amaciada mecanicamente, seu açougue deve ter equipamentos para oferecer isso;
  • Moedor de carne: Muitos clientes também pedem a famosa carne moída, com um moedor profissional você poderá oferecer isso;
  • Balcão expositor e câmara frigorífica: A carne é um elemento que necessita de refrigeração, por isso, estes 2 equipamentos são indispensáveis para um bom açougue, garantindo a conservação da carne por mais tempo, além de uma exposição mais convidativa ao cliente.

Além disso, faz-se essencial que você adquira boas facas, ganchos para carne, chairas (para dar fio à faca) e pedra (para amolar a faca). Também são indispensáveis aventais, luva de aço e demais EPIs que garantam a segurança do profissional e higiene do produto.

Tais equipamentos apresentam vários preços e particularidades, cabe ao gestor do açougue escolher aqueles que se adequem à sua necessidade e ao seu poder financeiro. Mas na escolha deve-se ressaltar a qualidade do utensilio ou equipamento!