Fale Conosco
Clique aqui!
X
Clique aqui e Peça seu Orçamento!
Clique aqui e Peça seu Orçamento!

Vitrine de açougue: Veja dicas de como montar a sua!

Vitrine de açougue: Veja dicas de como montar a sua!

Você vai muito ao shopping? Provavelmente você goste bastante de olhar aquelas vitrines bem projetadas e convidativas. Provavelmente você intuitivamente entra na loja que mais lhe agrada, certo?

De fato, hoje em dia, as vitrines exercem alto poder na escolha dos clientes de comprar (ou não) na loja. Mas você sabia que a organização e montagem eficiente de uma vitrine não se resume somente a lojas de shopings?

Pois é, até uma vitrine de açougue tem a capacidade de contribuir com a escolha do cliente.

Por isso, você deve estar ciente que até a sua vitrine de açougue deve receber total atenção quanto a sua organização e higiene, já que ela “convidará” os clientes a fazer a melhor escolha.

Veja no post de hoje algumas dicas sobre como organizar a vitrine de açougue quanto a higiene, disposição das peças e atendimento às normas vigentes para o setor.

Porque ter uma vitrine de açougue mais organizada?

Na escolha de qual peça escolher, o cliente irá ponderar alguns fatores e atributos fundamentais para que posteriormente escolha aquela que mais o agrade.

Esses atributos podem variar de consumidor para consumidor, mas há alguns que mais chamam a atenção a ponto de influenciar na decisão de compra: São eles:

  • Cor da carne;
  • Tipo de corte;
  • Estado de conservação da carne e da vitrine;
  • Disposição das peças;
  • Higiene.

A vitrine de açougue deve funcionar como um espelho e refletir a imagem que você quer passar ao seu cliente. Por isso, vale a pena renová-la constantemente, sempre priorizando a qualidade dos produtos, isso passa ao cliente uma mensagem positiva e convidativa, mostrando ao cliente que ele sempre encontrará variedade e qualidade.

Como organizar a vitrine de açougue?

Várias serão as formas em deixar uma vitrine de açougue convidativa a ponto de atrair e motivar o cliente na sua escolha.

Primeiramente, devemos manter a vitrine sempre limpa e higiênica, visto que em um açougue, esse é um dos pontos fundamentais na escolha de qualquer cliente.

As vitrines também devem ser refrigeradas e suas temperaturas devem seguir o que pede a legislação, cujas temperaturas são de 0°C a 2°C para balcões abertos e de 2°C a 4°C para balcões fechados.

Buscar expor uma maior variedade de carnes também é aconselhável já que isso melhora a imagem do açougue quanto à sua variedade. Além disso, aos finais de semana, a busca por cortes para churrasco (picanha, costela, etc.) tende a aumentar, assim é interessante dar maior visibilidade a esses cortes nestes períodos.

Outro fator importante é a escolha da carne a ser exporta na vitrine de açougue. Estudos científicos indicam que a cor da carne, principalmente bovina, não é necessariamente o fator mais determinante que irá garantir ou não a sua qualidade, mas o cliente gosta de carnes com o vermelho característico.

Por isso, vale a pena escolher as carnes mais “chamativas” neste quesito para expor. Esta será somente uma questão “estética”.

O que não fazer em uma vitrine de açougue?

Além das recomendações para deixar qualquer vitrine de açougue mais convidativa, há outras 2 ações não aconselhadas.

A primeira ação é o uso de folhas de alface o objetivo de “enfeitar” a vitrine. Podem até deixar a vitrine bonita num primeiro momento, porém podem murchar rapidamente, deixando a vitrine com aspecto nada convidativo.

Além disso, podem comprometer a qualidade da própria carne, devido ao possível uso de agrotóxicos em seu cultivo.

O segundo fator faz referência ao desligamento da vitrine durante períodos noturnos. Os produtos a serem expostos são perecíveis e por isso necessitam de refrigeração permanente.

Desligar qualquer vitrine de açougue é um erro grave, que pode ocasionar perda da qualidade e até multa.

Qualquer vitrine de açougue é o ponto de partida para a experiência dos clientes. Priorize-a e ganhe a empatia de seus clientes.